Clareamento

 

O clareamento dental visa a recuperação da cor original dos dentes, perdida em algum momento durante a vida em decorrência de vários fatores. Serve também simplesmente para promover um branqueamento dos dentes originalmente mais escurecidos.
A utilização de agentes clareadores nos dentes já ultrapassa um século, e com o desenvolvimento de novos materiais, tem se mostrado um meio cada vez mais eficaz e seguro de se obter uma estética dental satisfatória.

Clareamento Caseiro: O clareamento caseiro requer paciência porque leva mais tempo para obter resultado comparado ao método feito em consultório. A maior parte do tratamento é realizada pelo próprio paciente, o qual utiliza o agente químico dentro de uma moldeira adaptável aos dentes. Tendo que ser aplicado de acordo com a orientação do dentista.

Clareamento realizado no consultório: o dentista irá aplicar sobre os dentes um agente químico oxidante bem mais potente. Durante a aplicação, a gengiva, lábios e bochechas são protegidos de forma que o clareador não provoque queimaduras. Sobre o Dessa forma, o clareamento é realizado em um número menor de aplicações, dependendo do grau de clareamento que o paciente pretende ter.

Existe contraindicação?

O clareamento não pode ser realizado, por exemplo, em pessoas que apresentam tártaros, placa dental ou gengiva com sangramento. Estando livres desses problemas bucais, qualquer pessoa insatisfeita com a cor do seu sorriso pode realizá-lo. Mas existem algumas restrições como todo procedimento dentário, conforme reforça a dentista. “Tudo vai depender dos exames bucais e radiográficos que o dentista vai realizar”. Se o resultado for satisfatório, ele estará apto para realizar o tratamento.
Existem algumas características que também devem ser avaliadas antes do procedimento como no caso de pacientes muito jovens, o tratamento deve ser indicado com cautela para não correr o risco de afetar a polpa dental. Para aqueles que possuem muitas restaurações dentárias ou prótese, devem ser orientados quanto à necessidade de refazer os trabalhos após o clareamento já que os dentes vão clarear e os materiais restauradores não. Fique atento!

Qual fazer?

Ambos os métodos lhe darão resultados bem bacanas. O que muda é o procedimento e seu tempo de realização, mas é preciso contar com a ajuda de um profissional. Porém, muitos dentistas indicam que para um resultado excelente, recomenda-se a associação dos dois formatos. Faça uma consulta conosco que iremos indicar o melhor método para você!

Após o tratamento

Só porque seus dentes estão brancos, não quer dizer que não precisam de cuidados. Para o efeito ser duradouro é preciso evitar alguns hábitos:

– Evitar o excesso de alimentos que contenham corantes, como café, refrigerante, vinho ou ketchup.
– Consultar seu dentista para revisões periódicas.
– Manter a higiene oral após todas as refeições.